Sem categoria

O dólar comercial encerrou ontem em alta de 0,97%, a R$ 4,035, sua maior cotação desde setembro, com sinais de fragilidade na retomada econômica e o temor entre investidores de que a falta de articulação política possa atrapalhar a aprovação de reformas, sobretudo a da...