Distribuidoras culpam queda nos estoques e falam em aumento do etanol até início da safra

Distribuidoras culpam queda nos estoques e falam em aumento do etanol até início da safra

Após uma entressafra atípica com queda de 7,7% no etanol no Estado, os consumidores devem sentir uma alta de até R$ 0,25 no litro pelos próximos dias, segundo o Sindicato Brasileiro de Distribuidoras de Combustíveis.

A justificativa dada pela entidade é que a queda nos estoques ocasionada pela alta procura pelo combustível mais barato elevou a cotação nas usinas.

A expectativa é de que o motorista pague mais caro pelo menos até o início da safra, quando a produção deve normalizar a disponibilidade do produto e equalizar os preços novamente.

De acordo com a Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), o litro do etanol nos postos atualmente tem saído em média a R$ 2,55. Com a projeção de alta, o produto deve ficar acima dos R$ 2,80.

“A produção foi tão grande de álcool na nossa região e no Estado, que é o grande responsável pelo álcool do Brasil, que estamos chegando no fim da entressafra e as usinas ainda têm álcool estocado para manter o mercado no preço em que está. O que acontece é que, já no final da entressafra, os estoques das usinas começaram a baixar, apesar de estarem muito grandes e, nesse momento, as usinas começaram a puxar o preço para cima, como fazem em todo final de entressafra”, afirma Flávio Jandoso Navarro, diretor de assuntos governamentais do sindicato.

No Comments

Post A Comment