Litro da gasolina será vendido a R$ 2 em 50 postos do Estado no começo de junho – Sindtrr
Área do Associado
(011) 2914-2441
Área do Associado
(011) 2914-2441

notícias

Litro da gasolina será vendido a R$ 2 em 50 postos do Estado no começo de junho

16

05

18

Está se aproximando aquele dia do ano que faz centenas de motoristas em todo o Estado acordarem de madrugada e procurarem um posto de combustíveis. Trata-se da 14ª edição do Dia da Liberdade de Impostos, em 5 de junho, que tem como destaque o preço da gasolina comum praticado sem impostos pelos estabelecimentos participantes da campanha.

Neste ano, o preço do litro será o mesmo do ano passado, R$ 2 . Significa um abatimento de 54%, considerando o preço médio do litro no Rio Grande do Sul na semana passada (R$ 4,37), segundo levantamento semanal da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP). Comparado ao preço máximo encontrado pela ANP no Estado, que foi de R$ 4,94 (em Bagé), o desconto é de quase 60%.

– Esse movimento do Dia da Liberdade de Impostos nasceu aqui, em Porto Alegre, e se espalhou pelo país. Claro, não podemos imaginar a gasolina sem nenhum imposto, mas esse dia serve para refletirmos sobre como o imposto pode ser menor e melhor utilizado – afirma o vice-presidente do Instituto Liberdade (IL), Leandro Gostisa.

A iniciativa é promovida pelo IL, pelo Instituto de Estudos Empresariais (IEE), pelo Sindicato do Comércio Varejista de Combustíveis e Lubrificantes no RS (Sulpetro), com a parceria da Câmara de Dirigentes Lojistas de Porto Alegre (CDL) e da Fecomércio-RS.

Mas, como já é tradicional, o número de motoristas que poderão abastecer e a quantidade de litros serão limitados em cada posto. Conforme o IE, cada estabelecimento distribuirá cem fichas com direito a 20 litros, o equivalente a R$ 40 – a mesma quantidade de litros custaria R$ 87,40 pelo preço médio no Estado.

As senhas serão distribuídas às 7h em todos os pontos participantes, e o abastecimento será das 8h às 11h30min. A meta é alcançar 50 postos neste ano, superando os 21 da edição do ano passado. Também se pretende alcançar mais cidades — em 2017, a campanha ocorreu em 12 municípios. Mas os motoristas ainda precisarão esperar alguns dias para saber onde ir na madrugada do dia 5.

– Teremos uma reunião nesta sexta-feira (18) para encaminharmos a definição de quais postos participarão neste ano. Acredito que tenhamos a lista fechada na próxima semana, porque ainda muitos postos aderem nos dias seguintes – projeta Gostisa.

A expectativa é de que outros setores participem do Dia da Liberdade de Impostos, também oferecendo descontos especiais em produtos ou serviços. Esses estabelecimentos devem ser divulgados com os postos.

Fonte: Zero Hora/RS