Petrobras vai receber meio bilhão de reais com subsídio do diesel

Petrobras vai receber meio bilhão de reais com subsídio do diesel

Com o subsídio do diesel — acordado pelo o governo para dar fim à greve dos caminhoneiros, em maio, e que valerá até o fim do ano — a Petrobras tem a receber da Agência Nacional do Petróleo (ANP) R$ 590 milhões. O valor foi detalhado pelo diretor financeiro da companhia, Rafael Grisolia, e consta no resultado do segundo trimestre deste ano.

— Entendemos a demora em receber esse recursos, pois é um volume muito grande de documentos. Só da Petrobras são 20 mil notas fiscais. Não há preocupação quanto a isso. A política de preços da Petrobras vai continuar, pois isso atende aos critérios de rentabilidade da companhia — disse ele.

A estatal divulgou nesta sexta-feira lucro de R$ 17 bilhões no primeiro semestre deste ano, ganho mais que três vezes maior que o registrado entre janeiro e junho de 2017. No segundo trimestre, o lucro foi de R$ 10,07 bilhões.

O executivo destacou que o valor entra como “contas a receber”, e o mesmo vai ocorrer no terceiro trimestre.

— É difícil calcular o valor da perda com a greve. O único efeito mais mensurável é a queda nas vendas físicas.

TENDÊNCIA DE AUMENTO NA GERAÇÃO DE ENERGIA TERMELÉTRICA

Em perspecivas para este segundo semeswtre, Jorge Celestino, diretor de Refino e Gás, afirma que há um aumento da tendência de geração termelétrica. Havendo ainda retomada consistente em refino.

O executivo afirmou em coletiva de imprensa realizada na manhã desta sexta-feira na sede da Petrobras, no Rio, a disciplina para melhor monetizar a operação. Sob o ponto de vista de vendas, disse Celestino, houve redução no volume de vendas em gasolina em relação ao aumento de etanol e de nafta para a petroquímica.

— Continuamos maximizando a produção de petróleo nacional em nossas refinarias. Perdemos market-share em 2017 e no fim do ano passado fizemos movimentos através de nossa política comercial. E estamos em uma retomada consistente. Em função disso, o fator de utilização das refinarias vem aumentando (passou de 71% em janeiro para 81% em junho) — disse Celestino.

Ele lembrou ainda que reduziu o afretamento de dez navios, que têm preços entre US$ 50 mil e US$ 60 mil por dia de frete. Passou de 36 embarcações para 26 desde o início do ano passado para junho deste ano.

Fonte: O Globo

No Comments

Post A Comment