Preços de gasolina e diesel devem cair, mas não tanto, dizem analistas

Preços de gasolina e diesel devem cair, mas não tanto, dizem analistas

A queda na cotação do petróleo, em meio a uma guerra de preços entre a Arábia Saudita e a Rússia, pode deixar a gasolina e o diesel mais baratos nas bombas nas próximas semanas, segundo especialistas Eles acreditam, porém, que a queda não deva ser tão intensa quanto a do petróleo nesta segunda-feira (9), e que ainda é cedo para dizer qual será o novo patamar de preço.
A Petrobras é a maior produtora de combustíveis no país, e sua política de preços tem como base o valor do petróleo no mercado internacional. Porém, a Petrobras determina o preço de venda nas refinarias. Os postos podem repassar ou não as altas e baixas de preço aos consumidores.

Queda pode acontecer, mas não tão grande Sérgio Araujo, presidente executivo da Abicom (Associação Brasileira dos Importadores de Combustíveis), afirma que o preço dos combustíveis pode cair na bomba, ainda que não de maneira tão intensa.

Com essa crise entre a Rússia e a Arábia Saudita, é natural que tenha essa queda (no preço do petróleo), mas nós achamos que esse preço que tem hoje não é o real. Deverá, sim, acontecer uma redução do preço, mas só deve estar estabilizado alguns dias depois do evento. Deve haver uma estabilização em um patamar por ora desconhecido.”

Preço de combustível deve cair, diz economista o economista Adriano Pires, sócio-fundador e diretor do CBIE (Centro Brasileiro de Infraestrutura), segue a mesma linha. Ele acredita que haverá queda no valor dos combustíveis, ainda que não seja possível dizer de quanto…. – Veja mais em https://economia.uol.com.br/noticias/redacao/2020/03/09/precos-combustiveis-petroleo-queda.htm?cmpid=copiaecola
“A Petrobras vai fazer os reajustes, para baixo provavelmente, porque não deve subir tanto [o preço do petróleo nos próximos dias]. Mas também acho que esse preço [atual] é artificial, que foi provocado por uma atitude muito radical.Ele disse acreditar que a Rússia e a Arábia Saudita devem conversar para diminuir o impacto na cotação. Para ler esta notícia, clique aqui.

Fonte: UOL

No Comments

Post A Comment