Preso grupo que desviava combustíveis

Preso grupo que desviava combustíveis

A Polícia Civil do DF, por intermédio da Coordenação de Repressão aos Crimes Patrimoniais (CORPATRI/PCDF), cumpriu sete Mandados de Prisões Preventivas e um de Busca Domiciliar, ação que resultou em três flagrantes – por furto e receptação de combustíveis, associação criminosa e delitos ambientais.

As medidas judiciais foram cumpridas, nessa quarta-feira (18), em virtude da Operação S10, desdobramento da Operação Dianomea, realizada no mês de junho do corrente ano. O grupo criminoso era especializado no furto e receptação de gasolina, álcool e diesel no DF.

Com a prisão de diversos membros na Operação Dianomea, outro grupo criminoso, permanente e estável, assumiu as atividades na região. O modus operandi era o mesmo: os combustíveis eram desviados pelos próprios motoristas dos caminhões-tanque, através de galões e repassados aos jiboeiros (receptadores) e estes, por sua vez, aos consumidores finais. Alguns postos de combustíveis sequer sabiam que estavam sendo furtados.

Não há estimativa dos prejuízos sofridos. Contudo, o lucro era certo. Um galão de 20 litros de óleo diesel era comprado por R$ 40,00 reais e revendido por R$ 60,00 reais em poucas horas. O grupo atuava há anos.

Foram apreendidos com esse crime estruturado algo em torno de 2.500 litros de combustíveis. Com o lucro, o dinheiro era novamente inserido na atividade, gerando um processo cíclico de criminalidade. A PCDF acredita que esse grupo criminoso seria o segundo maior no Distrito Federal nesse tipo de criminalidade.

Com informações da PCDF.

Fonte: Jornal de Brasília

No Comments

Post A Comment