Seminário do Minaspetro expõe preocupações com mudanças no segmento de varejo e distribuição de combustíveis

Seminário do Minaspetro expõe preocupações com mudanças no segmento de varejo e distribuição de combustíveis

Durante a tarde desta quarta-feira (19), os mais de 270 revendedores e empresários do setor que marcaram presença no Seminário “Agenda Regulatória para o Setor de Combustíveis“, realizado no Hotel Ouro Minas, em Belo Horizonte, perceberam a preocupação dos especialistas diante das mudanças na agenda regulatória da distribuição e do varejo de combustíveis, conforme está sendo proposto pelo governo e ANP, que podem transformar profundamente o setor nos próximos anos.

O evento, realizado pelo Minaspetro em parceria com o movimento Combustível Legal, teve o objetivo de antecipar as discussões, ainda no âmbito regulatório inicial, para mostrar à revenda que as lideranças sindicais e empresariais estão agindo para proteger a saúde do mercado mesmo diante de tantas propostas de mudanças.

A abertura contou com a participação do Governador Romeu Zema, que discursou por cerca de 15 minutos para o público presente. Zema, que trabalhou por décadas no segmento de combustíveis, ressaltou que entende as demandas dos postos, especialmente na questão tributária, mas que as dificuldades enfrentadas pelas contas públicas do estado freiam algum tipo de redução, neste momento, da carga tributária no setor.

Durante toda a tarde, os especialistas convidados para o evento foram enfáticos ao afirmar que o modelo atual de refino, distribuição e varejo, já consolidado depois de décadas de muito trabalho, atende a todo o território nacional de maneira eficiente e uniforme. Portanto, a urgência nas intenções de modificar essa dinâmica se mostram cada vez mais injustificadas e sem base em estudos aprofundados.

Uma preocupação evidenciada pelos palestrantes, por exemplo, reside nas propostas de venda das refinarias para a iniciativa privada, que podem desequilibrar a competitividade no setor e criar problemas logísticos e comerciais em determinadas regiões. Também foram discutidas a venda direta de etanol pelas usinas, delivery de combustível, verticalização do setor, entre outros pontos.

A Revista Minaspetro de março (nº 127) trará a cobertura completa do evento, entrevistas e visões sobre tudo o que foi discutido durante esta quarta-feira (19). Não deixe de conferir!

A íntegra em vídeo da palestra estará disponível, em breve, no canal do Minaspetro no YouTube.

O Minaspetro divulga notícias de outros veículos como mera prestação de serviço. Esses conteúdos não refletem necessariamente o posicionamento do Sindicato.

Fonte: Assessoria de Comunicação do Minaspetro

No Comments

Post A Comment